Revelado o conceito FF, a primeira Ferrari com tração 4×4

Ferrari FF

Ferrari FF

 

Ferrari revelou na manhã desta sexta-feira (21), em Turim, na Itália, as primeiras imagens e informações oficiais sobre o seu mais novo carro-conceito, a Ferrari Four, ou simplesmente FF. O projeto, identificado pelo código F151, servirá de inspiração para o substituto do cupê 612 Scaglietti, a ser revelado oficialmente no início de março, durante o Salão do Automóvel de Genebra, na Suíça. As belas e musculosas formas do protótipo levam a assinatura do estúdio italiano de estilo Pininfarina SpA. Já as vendas do modelo definitivo devem começar na Europa em meados deste ano.

A FF é um cupê 2+2, ou seja, um Gran Turismo com capacidade para acomodar mais dois ocupantes em um banco traseiro de proporções menores. Mas as letras FF identificam outra característica do protótipo: a inédita tração nas quatro rodas. De acordo com a fabricante de Maranello (Itália), o novo modelo esportivo “constitui uma ruptura decisiva com o passado, e mais que uma evolução, uma autêntica revolução”, segundo a própria Ferrari. E os adjetivos se justificam também por outros atributos, entre eles o novo bloco V12 de 6.262 cm³, capaz de entregar 660 cv de potência a 8.000 rpm e 69,6 kgfm de torque máximo, disponíveis a 6.000 giros. A caixa de câmbio tem tecnologia herdada da Fórmula 1 e sistema de dupla embreagem para agilizar as trocas de marcha. Com esta configuração, a FF está apta a acelerar de 0 (zero) a 100 km/h em meros 3,7 segundos e atingir a velocidade máxima de 335 km/h. A relação peso-potência é de apenas 2,7 quilos por cavalo (kg/cv).

Apesar de esconder sob o amplo capô um motor maior e mais potente que o V12 5.75 l que equipa a 612 Scaglietti, ele é mais eficiente quando o assunto é economia de combustível e emissões de gases poluentes. De acordo com dados divulgados pela Ferrari, o doze cilindros da FF consome 6,5 quilômetros rodados com 1 litro de gasolina e emite 360 gramas de CO2, 110 g/km a menos que o bloco da 612. Ainda segundo a Ferrari, o sistema de tração integral 4RM, desenvolvido pela própria empresa, é 50% mais leve que um conjunto convencional e está integrada a todos os dispositivos eletrônicos de controle dinâmico do carro, que também conta com tecnologia de suspensão SCM de terceira geração – que usa amortecedores de ajuste magnético -, além de freios de compostos de cerâmica e carbono fornecidos pela Brembo.

A carroceria do modelo mede 4,91 metros de comprimento, 1,95 m de largura e 1,37 m de altura. A distância entre-eixos, por sua vez, não foi revelada. Já o peso de 1.790 quilos do esportivo é distribuído na relação 47/53, entre os eixos dianteiro e traseiro, respectivamente. O porta-malas da FF é capaz de acomodar 450 litros de bagagens, podendo ser ampliado para 800 l, com os bancos traseiros rebatidos.

Fonte: carsale

Sobre soveiculos

Com mais de 1.500m² de espaço, o nosso showroom é uma boa amostra do que de melhor faz a indústria automobilística mundial, num festival de marcas consagradas e exclusivas. O estoque no local gira entre 120 e 150 carros. Certamente você encontrará o modelo dos seus sonhos. Ou vários deles...
Esse post foi publicado em Lançamentos. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Revelado o conceito FF, a primeira Ferrari com tração 4×4

  1. Car Lover disse:

    wow… 660cv de potencia! tração 4×4? meo-deos-do-ceo! eh um avião!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s